MICROAGULHAMENTO

É um sistema de rolamento que contém inúmeras microagulhas que geram centenas de microlesões na pele. Esta ação desencadeia mediadores químicos que estimulam os fibroblastos a produzirem mais colágeno e elastina para restaurar a pele danificada. Com este aumento na produção dessas substâncias, toda a pele é reestruturada e beneficiada com a reorganização das fibras internas, resultando em uma pele mais firme e com mais viço. A forma de ação principal do microagulhamento é mecânica. Essa nova tecnologia oferece maior segurança aos pacientes com fototipo alto, ou seja, peles morenas e negras. Os resultados são percebidos após dois a três meses, uma vez que o ‘amadurecimento’ do novo colágeno é um processo lento. Espera-se melhora de 70% a 80% após duas a quatro sessões. Porém, se não houver melhora significativa após a quinta sessão, deve-se considerar outros tratamentos. Indicações:

  • • Rejuvenescimento;
  • • Cicatrizes em geral;
  • • Estrias,
  • • Melasma;
  • • Melhora da textura da pele (poros dilatados);
  • • Auxiliar na deposição de substâncias terapêuticas nas camadas mais profundas da pele (drug delivery).