Cirurgia de Reconstrução

Existem diversos tipos de cirurgias reconstrutoras/reparadoras, e seria impossível listar todas neste tópico.

A cirurgia reparadora torna-se necessária sempre que houver uma lesão que cause prejuízo estético e funcional. Estas lesões podem ser adquiridas ( traumas cutâneos/couro cabeludo, queimaduras, fraturas de face, cirurgias complicadas, escaras de decúbito... ), provocadas por câncer ( mama, nariz, orelhas, genitália, membros... ), e também podem estar presentes ao nascimento ( malformações, síndromes...).

É importante avaliar o defeito e individualizar o tratamento para cada caso.. Lesões funcionais podem provocar prejuízos progressivos e acumulativos a longo prazo, dificultando e por vezes impossibilitando a reparação. Por outro lado, lesões com caráter predominantemente estético não tratadas, podem causar distúrbios psico-sociais severos ao paciente.

Existem algumas lesões, aparentemente complexas para o paciente, que possuem tratamentos muitas vezes simples ( e vice-versa ).

Procure uma avaliação médica e tire as suas dúvidas sobre o assunto.